Tênis de corrida: qual a hora certa para trocar por um novo e evitar lesões?

  • 11/07/2024
(Foto: Reprodução)
Especialistas e fabricantes dizem que checar a quilometragem dos tênis é essencial para uma boa duração do produto. Veja as dicas. Corrida de rua Daniel Reche/Pexels Tênis de corrida bom tem fama de que custa caro e dura pouco. Mas qual é o tempo certo que um produto desses deve durar nos pés de um corredor sem que ele comece a ter problemas de saúde relacionados ao esporte? O Guia de Compras conversou com especialistas e fabricantes de tênis para responder a essa questão e entender quais são os riscos envolvidos. 🏃‍♀️‍➡️ Veja a quilometragem 🏃‍♀ A primeira coisa a checar não é o tempo de uso, mas qual a distância que o corredor percorreu com seu par de tênis. O tempo de uso recomendado é “por até 700 km, dependendo da performance de cada atleta. Isso pode variar de seis meses a 1 ano”, explica André Siqueira, ortopedista do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho da UFRJ e especializado em medicina do esporte. "Vários estudos com diversos modelos mostram que, entre 700 e 1000 km de uso, a capacidade de absorção de impacto reduz e os corredores tendem a mudar a mecânica da passada", comenta Fernanda R. Lima, médica do esporte do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Lima também recomenda levar em conta o peso corporal, histórico de lesões nas articulações e alterações nos membros inferiores, como o joelho em "X". "Pessoas com essas características devem ficar mais atentas à perda de amortecimento e estabilidade e trocar o calçado antes", afirma. Os fabricantes citam quilometragens diferentes para seus tênis de corridas: a Asics e a Under Armour citam até 1.000 km, a Adidas informa até 800 km “se o tênis for utilizado da maneira adequada e garantindo os cuidados na preservação”. Em nota, a On Running lembra que "um atleta de alta performance que corre, por exemplo, 10 km todo dia vai ter um desgaste mais rápido do seu tênis comparado a um corredor casual". Em uma conta rápida, 800 km significam em torno de 160 corridas de 5 quilômetros – ou 3 saídas para correr por semana em um ano. ✅Clique aqui para seguir o canal do Guia de Compras do g1 no WhatsApp Para medir a quilometragem com ajuda da tecnologia, a dica é utilizar apps esportivos no telefone. Um dos mais populares é o Strava, com versões para Android e iPhone. Esse aplicativo permite adicionar modelos de tênis ao perfil do corredor e associá-los ao exercício do dia. Ao longo de alguns meses, dá para checar quanto você percorreu com cada par de tênis. 👟 Avalie o estado do tênis Observar o aspecto do solado é outro modo de checar se o tênis segue bom ou não para corrida. “É natural ter desgaste, de preferência de uniforme. Se for irregular nas laterais, na parte interna ou externa, pode sugerir até que o corredor tenha uma alteração na forma de pisar”, comenta Siqueira. As marcas também recomendam verificar a maciez da espuma de amortecimento e o estado geral do tênis. Solados com amortecedores visíveis podem demonstrar afundamentos ao longo do tempo. Problemas de amortecimento também podem causar falhas de estabilidade e flexibilidade nas passadas. Outros Guias: TÊNIS DE CORRIDA: o que os iniciantes devem levar em conta na hora da compra? COM OU SEM PLACA: como escolher o melhor tênis para você? LAVADORA DE ROUPAS: pode colocar tênis na máquina? TODOS OS GUIAS DE COMPRAS 🦴 Entenda os riscos Tênis “vencidos" podem causar de bolhas nos pés a torções e lesões nos joelhos ou tornozelos. Os especialistas citam uma lista de potenciais problemas: fascite plantar (inflamação na planta do pé), tendinites e inflamações e dores nos ossos das pernas (conhecidos como “canelite”) são os mais comuns. A falta de amortecimento pode causar ainda dor na região da lombar, “por falta de proteção das articulações envolvidas no suporte de peso – calcanhar, tornozelo, perna, joelho e coluna lombar”, conclui Siqueira. Além disso, um tênis com solado desgastado pode causar escorregões em pisos úmidos. 🦶Faça um rodízio dos tênis Ter mais de um par e alternar o uso dos tênis de corrida é o jeito de tentar conseguir uma maior duração dos produtos, comenta Lima. Desse modo, o solado e o amortecimento podem ter um tempo de vida útil maior. Marcas como a Asics e a Under Armour dizem que guardar um tênis sem uso por um período prolongado pode fazer com que os materiais percam suas propriedades. Veja a seguir uma lista com 10 tênis de corrida selecionados pelo Guia de Compras. Os preços dos produtos, consultados em julho, nas principais lojas da internet, variavam de R$ 320 para os modelos voltados a iniciantes a R$ 1.200 para corredores mais avançados. Adidas Supernova Stride Asics Gel Excite 10 Fila Racer Carbon 2 New Balance Fresh Foam Nike Flex Experience Olympikus Corre 3 On Running Cloudrunner 2 Puma Electrify Nitro 3 Skechers Bountiful Be Kind Under Armour Charged Starlight Esta reportagem foi produzida com total independência editorial por nosso time de jornalistas e colaboradores especializados. Caso o leitor opte por adquirir algum produto a partir de links disponibilizados, a Globo poderá auferir receita por meio de parcerias comerciais. Esclarecemos que a Globo não possui qualquer controle ou responsabilidade acerca da eventual experiência de compra, mesmo que a partir dos links disponibilizados. Questionamentos ou reclamações em relação ao produto adquirido e/ou processo de compra, pagamento e entrega deverão ser direcionados diretamente ao lojista responsável. Como tirar manchas de desodorante da roupa

FONTE: https://g1.globo.com/guia/guia-de-compras/lazer/esporte/tenis-de-corrida-saiba-qual-a-hora-certa-para-trocar-por-um-novo-e-evitar-lesoes.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Não quero piedade

Top 5

top1
1. Saudade da minha terra

Belmonte e Amarai

top2
2. John balaio

Crendices

top3
3. Feeling Good

Nina Simone

top4
4. Somebody To Love

Queen

top5
5. Lady Laura

Roberto Carlos

Anunciantes