Motorista que provocou acidente com morte ao tentar fugir da polícia será indiciado por homicídio doloso, segundo delegado

  • 02/04/2024
(Foto: Reprodução)
Caso aconteceu na BR-277, em Guarapuava. Na fuga, carro suspeito acertou veículo de uma família. Defesa defende que motorista não teve intenção de matar. Uma pessoa morre e seis ficam feridas em acidente entre quatro carros em Guarapuava O motorista que provocou um acidente com morte ao tentar fugir da polícia será indiciado por homicídio doloso - quando há intenção de matar. A informação é do delegado da Polícia Civil Bruno Miranda Maciozak. O caso aconteceu na noite de quinta-feira (28) na BR-277 em Guarapuava, na região central do Paraná, e envolveu quatro veículos. Um militar do exército morreu e seis pessoas ficaram feridas. Relembre abaixo. ✅ Siga o canal do g1 PR no WhatsApp ✅ Siga o canal do g1 PR no Telegram Segundo o delegado, o suspeito, de 28 anos, foi interrogado nesta terça-feira (2), no hospital onde está internado e escoltado desde o acidente. Ele está preso preventivamente e preferiu ficar em silêncio no depoimento, explica Maciozak. Ele foi autuado em flagrante por um homicídio doloso consumado, dois homicídios dolosos tentados, desobediência e direção de veículo automotor sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O militar Ronaldo Jordão, de 26 anos, morreu no local. Ele estava com a esposa e a filha de quatro anos, que ficaram gravemente feridas e continuam internadas nesta terça. Militar Ronaldo Jordão morreu no local do acidente Acervo pessoal De acordo com a Polícia Militar (PM), o suspeito estava com uma Carteira de Habilitação Nacional (CNH) falsa e tem passagens na polícia por outros crimes. Caso a falsificação seja confirmada pela equipe de investigação, o homem também deve ser indiciado por falsificação de documento público, explica o delegado. A viúva de Ronaldo foi interrogada no hospital e disse à polícia que não lembra do acidente - ela sofreu traumatismo craniano. O delegado explica que outras testemunhas devem ser ouvidas nos próximos dias e o inquérito policial deve ser concluído até o final desta semana. O nome do suspeito não foi revelado. A defesa defende que o motorista não teve a intenção de matar e pede que ele responda por homicídio culposo e lesão corporal na condução do veículo. Leia também: Justiça Eleitoral: Relator no TRE-PR vota contra cassação de Moro; julgamento será retomado na quarta Leilão da Receita Federal: Conheça as regras para participar e cuidados na hora de fazer um lance Luto: Fotojornalista Chuniti Kawamura morre após ter carro prensado por caminhões na BR-376 Carro das vítimas atingido por outro veículo PMPR Acidente em perseguição policial De acordo com a Polícia Militar (PM), a equipe recebeu uma denúncia de que um homem em um veículo entregava drogas em um hotel do município e, quando a viatura chegou ao local, o suspeito tentou fugir pela BR-277, realizando manobras perigosas. Na fuga, o carro do suspeito bateu no carro da família. Ainda na perseguição, a viatura da PM bateu contra uma caminhonete. Dois policiais ficaram levemente feridos. O motorista e as três passageiras da caminhonete não se feriram. Viatura da Polícia Militar (PM-PR) também foi atingida na batida. PM-PR VÍDEOS: Mais assistidos do g1 Paraná Leia mais notícias da região em g1 Campos Gerais e Sul

FONTE: https://g1.globo.com/pr/campos-gerais-sul/noticia/2024/04/02/motorista-que-provocou-acidente-com-morte-ao-tentar-fugir-da-policia-sera-indiciado-por-homicidio-doloso-segundo-delegado.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Top 5

top1
1. Don't Let Me Down

The Beatles

top2
2. John balaio

Crendices

top3
3. Feeling Good

Nina Simone

top4
4. Somebody To Love

Queen

top5
5. Lady Laura

Roberto Carlos

Anunciantes